quinta-feira, 10 de março de 2011

NONI, fruta milagrosa?


Conheça tudo sobre a noni uma fruta medicinal

Parnaíba é um pedaço do Brasil que em se plantando, tudo dá. De coqueiros a flores tropicais, a vegetação parnaibana é rica e diversificada.

Foto: ReproduçãoA fruta já está sendo produzida em Parnaíba
A fruta já está sendo produzida em Parnaíba
A primeira plantação de noni começa a produzir em Parnaíba. Na área da plantação encontramos 400 pés dessa planta que está na mídia brasileira desde 2003, com fama de proporcionar excelentesresultados na área da saúde. A presença de ômega 6 e óxido nítrico dilataria os vasos, melhorando a oxigenação e, conseqüentemente, a memória.
O noni é uma fruta verdinha, chegando a parecer com a fruta do conde, com a graviola, mas é em suas propriedades que está toda a diferença do exótico noni para as demais frutas: possui também escopoletina, substância antibacteriana, antifúngica e antiinflamatória, que também ajuda a dilatar os vasos sangüíneos — o que faria baixar a pressão arterial.
O noni é uma fruta que deve ter sua polpa adicionada a qualquer outro suco e recomenda-se que seja tomada em três doses: uma pela manhã, uma ao meio-dia e uma à noite.
Em Parnaíba, o noni vem sendo cultivado há aproximadamente três anos e somente agora vem para o mercado em forma de polpa.
E o noni não é que nem um chester siscando no terreiro: eu vi.
O noni pode ser encontardo para venda em polpa aqui em Parnaíba através dos telefones 8843-6668 e 9441-3344, com Ana Moraes.

Noni: a planta que cura 27 enfermidades

A planta chegou à Universidade Federal do Piauí há quatro anos e vem sendo alvo de diversos estudos
atualizado em 27/01/2009 11:28
mudar tamanho da letra A + | A -
PUBLICIDADE
Vez por outra, uma planta aparece no cenário nacional com a promessa de curar vários tipos de doenças. Em alguns casos, a fama é comprovada, em outros, os efeitos colaterais acabam por desmistificar o uso exagerado. Há algum tempo, os piauienses conheceram uma planta comum do Taiti, chamada popularmente de Noni. Muitos pesquisadores estão estudando os efeitos de seu fruto e já comprovaram, com 75% de eficiência, os efeitos positivos para a cura de 27 enfermidades. 

A planta chegou à Universidade Federal do Piauí há quatro anos e vem sendo alvo de diversos estudos. O fruto noni, que lembra uma graviola ou fruta do conde, é transformado em suco e misturado com suco de uva ou goiaba, em proporções já estabelecidas. O suco combate, entre outras doenças, artrite, artrose, reumatismo, diabetes tipo 1 e 2, dores de cabeça, impotência sexual, perda de peso e hipertensão. A planta pode chegar a três metros de altura e produz durante o ano inteiro. 

O professor do curso de Agronomia e coordenador do Núcleo de Plantas Aromáticas e Medicinais da UFPI, Francisco Rodrigues Leal, diz que o noni já tem seu espaço garantido na Fitoterapia. “É uma fruta com um sabor e um cheiro diferentes que, aos poucos, a gente se acostuma. No seu país de origem, a fruta é largamente consumida in natura, como nós comemos a goiaba aqui”, comentou o professor. 

De acordo com informações de Francisco Leal, o noni funciona porque tem como princípio elevar a imunidade da pessoa e recuperar as células danificadas. “Além, é claro de toda a riqueza de vitaminas e aminoácidos contidos na fruta”, disse. O concentrado deve ser feito na seguinte proporção: 89% da polpa da fruta e 11% de suco de uva ou goiaba. “Se o paciente fizer em um copo de 100ml deve usar 60% de polpa e 40% de suco de uva ou goiaba”, disse. 

A empresária Margarida dos Santos, de 55 anos, já pagou caro pela garrafa de suco comercializada no Brasil. “Comprei a garrafa em São Paulo. Eu sofria de refluxo gastro-esofágico e depois de 15 dias tomando o suco o problema começou a diminuir — já o remédio não tinha adiantado. O bem-estar aumentou, a pele melhorou bastante e meu cabelo parou de cair como vinha acontecendo de forma dramática. Já tomo o suco há três meses, de manhã em jejum”, informou. 

Francisco Leal alertou, porém, que cada caso é um caso. O paciente deve procurar orientação de um fitoterapeuta, para não correr o risco de usar medidas diferentes ou simplesmente não saber o tempo correto do tratamento. O setor de agronomia da UFPI conta hoje com pouco mais de cem plantas de noni e distribui mudas, em pequena quantidade, para a população.

Produto ainda não tem registro na Anvisa

A popularidade do Noni em alguns países está intimamente ligada ao seu poder terapêutico. Em 2003, a fruta virou febre nos Estados Unidos, que por lá, é misturada com blueberry ou cranberry. Em tempo: o cranberry, uma frutinha vermelha do Hemisfério Norte, é parente da groselha e, acredita-se, do cupuaçu. De acordo com estatísticas de 2003, uma garrafa do suco era vendida a cada dois segundos (ou menos) pelo mundo afora — sem falar das cápsulas e dos chás. Muitas pessoas também revendem o suco na Internet. 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa - informou, em maio de 2007, que o noni não possui histórico de consumo no Brasil e, portanto, a comercialização de qualquer alimento contendo esse ingrediente só será permitida após a comprovação de sua segurança de uso e registro na Anvisa. Ressaltou ainda que, de acordo com o artigo 56 do Decreto-Lei nº. 986/69 os produtos com finalidade terapêutica ou medicamentosa não são considerados alimentos. 

A Secretaria Estadual de Saúde de Goiás e de vários outros estados brasileiros proibiram a comercialização do suco vendido no Brasil, exatamente por causa da não comprovação da segurança da Anvisa. Controvérsias à parte, quem faz uso do suco do noni diz que seus efeitos são únicos e não se arrependem de tomar, diariamente. 
  • Fonte: Katiúscia Alves / Jornal O Dia


    Noni
    A Fruta Noni
    A planta Noni cresce nas ilhas virgens da Panama. Ocupa um lugar único entre as maravilhas da natureza. O fruto maduro de Noni tem aproximadamente o tamanho de um tomate. Além das propriedades nutritivas jamais vistas em outra fruta, utilizou-se ao longo dos séculos como um alimento puro em épocas de fome. Seus efeitos nutritivos despertaram o interesse em muitos profissionais da área de saúde, inclusive do respeitado Dr. Neil Solomon, Ph.D., que pessoalmente vem pesquisando todos os benefícios à Saúde Humana do consumo regular do Suco Natural da Fruta Noni.


    "Como é possível que o Suco de Noni tenha ajudado a tanta gente em tantas situações diferentes? Qual seria o segredo? Cheguei à conclusão de que uma média de 78% de mais de 15.000 pessoas que tomaram Suco de Noni regularmente, com acompanhamento científico, beneficiaram-se de alguma forma, desde uma simples dor de cabeça até as doenças mais graves do mundo moderno." Dr Neil Solomon foi prestigiado com o prêmio Schwentkner, por sua excelência em pesquisa.
    O Noni contém muitos alcalóides que ajudam ao corpo humano a regenerar as cédulas danificadas e a incrementar as defesas do mesmo, de forma natural.
    ENTENDENDO PORQUE FUNCIONA E FAZ BEM À SAÚDE
    Ao dividir os muitos usos do Suco de Noni e as descobertas científicas e o como e o porque podemos nos beneficiar com o rico suplemento de xeronina, nós estamos dando uma grande contribuição para o objetivo de termos um mundo mais saudável.

    • Dá suporte ao sistema imunológico
    • Melhora o bem estar
    • Melhora a digestão
    • Reduz inflamações
    • É um antioxidante efetivo

    Existe um espaço específico em certas proteínas que as permitem assimilarem a xeronina. Muitas destas proteínas não são capazes de realizar nenhuma de suas funções sem a xeronina.

    Nem todas as proteínas precisam da xeronina para funcionar, mas muitas proteínas vitais que agem como hormônios, anticorpos e enzimas precisam da xeronina. A xeronina torna possível para as proteínas executarem suas funções, responsabilidades.
    • Elas dão estrutura ao cabelo, pele e ossos. Proteínas permitem, viabilizam a maior parte da estrutura do corpo, até mesmo a própria célula.
    • Elas permitem o transporte de substâncias, ligando-se a importantes nutrientes permitindo-lhes que passem pela membrana celular.
    • Proteínas também agem como hormônios no corpo. E com esta capacidade elas coordenam todo o processo do corpo a nível molecular.
    • elas agem como anticorpos para dar suporte ao sistema imunológico. Os anticorpos atacam os invasores destrutivos, (como também os vírus), e os incapacitam.

    Quando nós bebemos o suco de fruta de Noni, a Proxeronina passa pelo nosso aparelho digestório e intestinal, onde é absorvido e, em seguida, armazenado no fígado. O fígado é o principal lugar de estocagem da proxeronina. A cada 8 horas, deveria liberar uma certa quantidade desta Proxeronina na corrente sanguínea, onde seria convertida em Xeronina (substância assimilada pelas proteínas). Através da corrente sanguínea ela é então transportada para todos os tecidos do corpo. O segundo maior lugar de armazenamento é a pele. A proxeronina é transformada em xeronina em todo o corpo, incluindo a pele. E uma considerável quantidade de proxeronina é necessária para manter uma pele, couro cabeludo e cabelo saudáveis. Ao usar os produtos de cuidados da pele e cabelo contendo proxeronina, quaisquer condições de pele, couro cabeludo ou cabelo, apresentam uma melhora muito boa. Nós descrevemos somente algumas aplicações de uma extensa lista das quais se pode ter uma melhora e do fantástico potencial que a xeronina pode ter.
    Existem várias razões do porque o corpo exige o suplemento de proxeronina:
    1. Um deles é o esgotamento de micronutrientes do solo, devido as fertilizações químicas.
    2. A outra é a nutrição deficiente.
    3. Alta atividade ou um estilo de vida estressante.
    4. Até mesmo o envelhecimento vai exigir um aumento da necessidade das proteínas.
    Para suprir estas necessidades e manter o corpo saudável nós podemos aumentar o suprimento de proxeronina bebendo o suco de Noni e também para superar os efeitos dos baixos níveis de xeronina e restaurar a saudável capacidade de assimilação das proteínas.
    Consumidores do Suco de Fruta de Noni já experimentaram os muitos incríveis benefícios que o suplemento de xeronina pode proporcionar para manter um corpo saudável e permitir se recuperar sozinho.
    A continuação apresentamos um estudo realizado pelo reconhecido Dr. Neil Solomon, que demonstra os efeitos obtidos no corpo humano ao ingerir suco de Noni. Nesta pesquisa foram estudadas 10.000 pessoas as quais tinham 23 diferentes condições de saúde.

    Condição de saúde declarada
    # de pessoas que tomaram Noni
    Porcenta-gem de pessoas ajudadas
    Alergias: diminuição dos sintomas
       948
    84%
    Anti-Envelhecimento: melhor aparência
       148
    78%
    Artrites: diminuição dos sintomas
       719
    81%
    Bem estar: incrementou a sensação de bem estar
     4,561
    80%
    Melhor Respiração
     2,854
    77%
    Câncer: diminuiu os sintomas
       889
    65%
    Depressão: diminuiu os sintomas
       807
    77%
    Diabetes: Tipo I e II
     2,773
    84%
    Melhorou a Digestão
     1,593
    89%
    Incremento de Energia
     8,327
    92%
    Pensamento confuso e impreciso: ajudou a tornar-se mais claro
       373
    88%
    Doenças Cardíacas: diminuiu sintomas
     1,123
    80%
    Pressão Arterial Alta: diminuiu
       938
    85%
    Rins: melhorou o funcionamento
     2,372
    67%
    Incremento de Alerta Mental
     2,983
    72%
    Incremento de Massa Muscular
       816
    71%
    Obesidade: eliminou o sobrepeso
       284
    75%
    Dor, incluindo enxaquecas
     4,231
    88%
    Sexualidade: melhorou o desempenho
     1,608
    87%
    Sono: melhorou
     1,231
    73%
    Adição ao Cigarro: eliminou
       452
    58%
    Estresse: ajudou a enfrentá-lo melhor
     4,113
    72%
    Fraturas
     1,019
    57%
    *Porcentagem combinada de pessoas que apresentaram melhora objetiva ou subjetiva de seus signos e sintomas depois de ingerir noni. A maioria das pessoas que usaram noni e não  obtiveram resultados ótimos foram pessoas que tomaram menor dose ou por tempo mais curto do recomendado.

    Remédio natural ...
    q       Torna a pressão sangüínea regular.
    q       Atua como anti-inflamatório.
    q       Ajuda a aliviar dores.
    q       Aumenta os níveis de energia.
    q       Reduz as probabilidades de ataques cardíacos.
    q       Limpa e protege o sistema digestivo.
    q       Ajuda a prevenir tumores.
    q       Incrementa o nível de Melatonina.
    q       Eleva as defesas corporais.
    q       Nutre o corpo de Alcalóides.
    q       Maximiza a potência sexual.
     O descrito nesta folha se baseia na experiência de usuários, bem como estudos realizados em laboratórios independentes ao redor do mundo. Em nenhum momento Earthly Products Inc. dá garantia dos resultados.noni: você já ouviu falar ?
    Descubra os reais benefícios desse alimento misterioso, só encontrado em suco e que promete maravilhas à saúde

    POR JUREMA APRILE
    ILUSTRAÇÃO BUSSADORI


    • A presença de ômega 6 e óxido nítrico dilataria os vasos, melhorando a oxigenação e, conseqüentemente, a memória
    • Especialistas dizem que a fruta contém betacaroteno, precursor da vitamina A, e acubina, que agrega propriedades antibióticas
    • Possui escopoletina, substância antibacteriana, antifúngica e antiinflamatória, que também ajuda a dilatar os vasos sangüíneos — o que faria baixar a pressão arterial
    • A fruta é rica em vitamina C
    É só uma questão de tempo para as pessoas começarem a ouvir falar desse tal de noni e descobrir que não se trata de um ser de outro planeta. Com o nome científico de Morinda Citrifolia e originário dos mares do Sul, esse alimento que tem gerado uma certa curiosidade é, na verdade, uma fruta verdinha, com a aparência de fruta do conde, e que — acredite — não pode ser encontrada em feiras nem supermercados. Isso mesmo: o noni está prestes a fazer parte do grupo de coisas sobre as quais todo mundo fala, mas que ninguém vê por aí — algo como um chester vivo, ciscando no terreiro.
    A fruta só existe por aqui em forma de suco engarrafado ou chá (embora atualmente esteja sendo cultivada na Amazônia peruana e, talvez, possa ser encontrada à venda em breve no Brasil). Mesmo nos Estados Unidos, o noni é vendido apenas sob forma de cápsulas, chás (feitos das folhas) ou sucos industrializados, para dezenas de milhões de consumidores.
    Ao contrário de todas as frutas que são melhores quando consumidas frescas e com casca, essa não é muito palatável ao natural. “Parece fruta do conde, mas não tem nada de doce. O gosto é muito ruim e o cheiro não é dos mais convidativos”, garante o nutricionista vegetariano George Guimarães, de São Paulo, que teve oportunidade de prová-la. Quanto ao suco, este vem misturado com sucos de cranberry (ou de blueberry) e de uva, e, segundo o especialista, tem um sabor curioso.
    Febre de consumo 
    Apesar da dificuldade de encontrá- lo in natura, o maior mistério em relação ao noni — e que também reforça sua popularidade — tem a ver muito mais com as suas supostas propriedades terapêuticas. Seu consumo no Brasil é recente, sendo mais popular nos Estados Unidos e em alguns países da Europa. De acordo com estatísticas de 2003, uma garrafa do suco era vendida a cada dois segundos (ou menos) pelo mundo afora — sem falar das cápsulas e dos chás. “O sucesso está diretamente ligado ao fascínio que o homem sente por tudo que pareça mágico, milagroso e, sem muitas explicações precisas ou de forma vaga, anuncie-se capaz de curar várias doenças”, acredita o médico Leandro Pomini, de São Paulo.
    Isso não quer dizer que o noni não tenha propriedades benéficas. Significa apenas que ainda não existem provas consistentes do ponto de vista científico de que realmente cure ou previna males. Há poucos estudos isentos a respeito — e nenhum com seres humanos, apenas ratos. “Essa fruta pode até vir a ser algo maravilhoso em termos de cura, mas ainda não existem provas conclusivas, nem estudos populacionais que sirvam de base para afirmar isso hoje”, diz a nutricionista Denise Schirch, de São Paulo.
    Mesmo com a falta de informações precisas — o maior fabricante do suco no Brasil não quis dar informações nutricionais sobre o produto —, não se pode condenar a fruta. “Não faz mal algum consumir o noni”, garante George Guimarães. “Só pode haver algum risco se a pessoa deixar de seguir seu tratamento por causa disso”, acrescenta. É que os derivados do noni não são remédios, mas complementos alimentares. E o FDA e a Comissão Européia, organismos que funcionam como agências reguladoras de saúde nos Estados Unidos e na Europa, concluíram que não há evidências dos benefícios desse alimento para a saúde humana.
    Motivo da controvérsia O noni e seus subprodutos geram polêmica porque anunciam ter uma substância chamada proxeronina, um precursor de um aminoácido denominado xeronina — que só um pesquisador descobriu até hoje. A xeronina foi encontrada e batizada pelo médico Ralph Heinicke, nos anos 50, quando ele fazia estudos com o abacaxi. Na ocasião o cientista ficou tão convencido dos poderes curativos de sua descoberta que passou anos estudando suas propriedades.
    Quase não há menções a essa substância fora dos trabalhos de Heinicke e dos produtores de suco e de cápsulas obtidos a partir do noni. Quem fizer buscas em vários bancos de dados de pesquisa dificilmente encontrará algo sobre a xeronina ou sua precursora. O professor Richard Mithen, chefe da equipe de pesquisa do Centro John Innes e do Institute of Food Research, na Grã-Bretanha, afirma que nunca ouviu nada a respeito da xeronina e também não encontrou documentos científicos descrevendoa. Mesmo assim, Mithen, que recentemente produziu com sua equipe um superbrócolis que pode ajudar a prevenir câncer, acredita que o suco de noni é boa fonte de antioxidantes.
    Estas substâncias são conhecidas por suas propriedades anti-radicais li vres, capazes de auxiliar na prevenção de tumores malignos — algo que, segundo o professor, o suco de laranja também pode fazer. “Todas as frutas contêm antioxidantes”, completa o nutricionista George Guimarães.
    Em sucos industrializados com o noni, pode-se encontrar ainda a mistura com sucos de cranberry e uva, estes sim com propriedades reconhecidas cientificamente — podem ajudar a abaixar o nível de colesterol no sangue, por exemplo. Em tempo: o cranberry, uma frutinha vermelha do Hemisfério Norte, é parente da groselha e, acredita-se, do nosso cupuaçu. Tem qualidades comprovadas no tratamento de cistite (infecção urinária).

    noni: você já ouviu falar ?
    Descubra os reais benefícios desse alimento misterioso, só encontrado em suco e que promete maravilhas à saúde

    POR JUREMA APRILE
    ILUSTRAÇÃO BUSSADORI


    CAPACIDADE ANTIOXIDANTE
    Quando o corpo usa o oxigênio pa ra queimar a energia contida nos alimentos, as células passam a produzir inimigos: os radicais livres, moléculas defeituosas que oxidam e produzem estragos nas mitocôndrias, as usinas de força das células.
    Essas reações estão relacionadas a câncer, doenças cardiovasculares e en velhecimento.
    As chances de neutralizar esses vilões aumentam quando auxiliadas por um alimento que contenha diferentes elementos antioxidantes, como vitaminas e outro. Portanto, para saber o poder de fogo de um alimento na proteção das células, compara-se seu potencial antioxidante com o da vitamina E (considerada o parâmetro científico, pelo alto poder antioxidante deste nutriente).
    Desta forma, sabe-se que alguns alimentos são mais carregados de anti-radicais livres que outros. Segundo especialistas, a fruta e o suco de noni são ricos em antioxidantes. Mas ainda não existe um estudo nutricional científico para quantificá-los, ou seja, que compare a sua capacidade antioxidante ao poder da vitamina E (nutriente considerado parâmetro para isso). Confira o que já se comprovou em relação a outros alimentos:
    • O morango tem muita vitamina C, que aumenta a resistência do organismo, evita o envelhecimento precoce das células, problemas de pele e do sistema nervoso. Seu antioxidante, a cianidrina, está sendo estudado em pesquisas que o consideram quatro vezes mais poderoso que a vitamina E. • O tomate é rico em licopeno, carotenóide da família do beta-caroteno — um antioxidante natural que ajuda no combate a alguns tipos de câncer. É quase três vezes mais potente que a vitamina E. Os maiores teores de licopeno estão nessa fruta, mas também são encontrados na melancia.


    PARA MIM FUNCIONOU
    “O preço é salgado, mas equivale ao do medicamento que comprava para o estômago. Eu sofria de refluxo gastro-esofágico e depois de 15 dias tomando o suco o problema começou a diminuir — já o remédio não tinha adiantado. O bem-estar aumentou, a pele melhorou bastante e meu cabelo parou de cair como vinha acontecendo de forma dramática. Já tomo o suco há três meses, de manhã em jejum. Por mim, está aprovado”.
    Margarida dos Santos, empresária, 55 anos
    NÃO POSSO AFIRMAR QUE FUNCIONA 
    “Tomei o suco todo dia de manhã, durante um mês. O sabor é suportável, tem gosto de mato, não é uma maravilha, mas não é intragável. Na ocasião, tinha acabado de completar a quimioterapia para tratar um câncer de mama. Não sentia dor muscular ou enjôo, na verdade não passei muito mal com o tratamento. Não posso afirmar que o suco de noni tenha causado melhora no meu estado de saúde. Mas conheço pessoas que estão adorando, sei de casos em que a qualidade de vida melhorou muito. Tomei direitinho, porque vi que tem vários sais minerais, achei que ia ajudar no equilíbrio nutricional. A indicação era tomar junto com a quimio, para minimizar os efeitos colaterais e ajudar o organismo a se recompor, mas eu não quis. Achei que, se a proposta do tratamento médico era jogar meu organismo lá embaixo justamente para ele não ter condições de produzir células malignas, o melhor era não misturar as estações. E deu certo.”
    Rita Oliveira, 44 anos, professora



Nenhum comentário: